Record TV lança maior ofensiva de jornalismo ao vivo da TV brasileira

A Record TV lança na próxima segunda-feira (9) a maior ofensiva jornalística da TV aberta.
Além do Jornal da Record em horário nobre, dos matinais SP No ArBalanço Geral Manhã, Fala Brasil; da edição vespertina do BG, com Gottino, e do Cidade Alerta, com Luiz Bacci; a emissora terá outras quatro edições jornalísticas diárias.
Tratam-se de quatro novas edições do Jornal da Record, todas ao vivo. Para comandá-las, a emissora escalou uma dupla de peso. Janine Borba ficará com as duas primeiras edições, uma no fim da manhã e outra durante a tarde. Sérgio Aguiar fará as edições noturnas.
”Sou um veterano no jornalismo, mas tenho a garra de um menino nesse novo desafio”, fala Sérgio Aguiar.
Uma vez realizadas, tais mudanças colocarão a Record TV no posto de maior produtora de jornalismo ao vivo de toda a televisão aberta do Brasil, totalizando mais de 14 horas diárias de jornalismo ao vivo.
Os boletins do JR já nascem com patrocínio. Segundo Walter Zagari, vice-presidente comercial da Record TV, a primeira cota comercial desse novo projeto jornalístico já foi vendida e a segunda está em negociação avançada.
”Se eu soubesse que ia ter tanta integração com as demais plataformas do grupo eu aumentava o valor do cota“, brincou Zagari.
Os boletins chegam junto com o novo Jornal da Record, que ganhará nova identidade visual, nova trilha e renovará a sua marca na emissora.
O novo cenário do JR será apresentado na próxima segunda (9), quando estreiam também os novos boletins. Tudo sob a batuta do diretor de Criação do Jornalismo da Record TV,  Rogério Gallo.
Guardado a sete chaves, o cenário moderno vem com um telão digital inovador. Vertical, a tela vai possibilitar a exibição de vídeos interativos no estilo Stories.
“Se tivesse que definir a Record em uma palavra seria: movimento”, fala Adriana Araújo, âncora do JR.
“Esse movimento na grade de programação que a Record promove quando a notícia é o mais importante fez o mercado mudar! Esse é o DNA da Record”, diz Janine Borba.
Segundo Antonio Guerreiro, vice-presidente de Jornalimo da Record TV, a integração do conteúdo jornalístico produzido pela emissora com as plataformas digitais do grupo, o R7 e PlayPlus, será total, respeitando a especificidade de cada plataforma.
O pacote engloba ainda mudanças na Record News, com a estreia de 24 boletins de notícias na programação do canal, um por hora.
”Quando falo que todas as plataformas estarão integradas nesse novo projeto, são todas as plataformas mesmo”, garante Guerreiro . Ele ainda anunciou que além dos quatro boletins do JR na TV, um quinto boletim será produzido exclusivamente nos formatos de internet, para o portal R7 e mídias sociais, com versões para Twitter, Instagram e Facebook.
”Tudo será ao vivo nesses boletins do JR, até as entradas dos repórteres e correspondentes. Serão todas ao vivo, sempre”, diz Guerreiro. “Teremos ainda no boletim noturno uma participação mais especial de Brasília, do Luiz Fara Monteiro”, conta Guerreiro.
Para o executivo, o novo projeto jornalístico da emissora vai aproximar ainda mais a redação do telespectador.
“O JR chega nessa nova fase mostrando uma participação muito mais ativa do telespectador na confecção do jornal. Iremos trazê-lo para a nossa mesa de redação, para a nossa reunião de pauta”, diz ele.
Você pode gostar também