Polícia diz que não foi informada sobre show de Marília Mendonça

A PM (Polícia Militar) de Minas Gerais informou, na tarde desta terça-feira (8), que não foi informada sobre o show gratuito que a cantora Marília Mendonça fez em Belo Horizonte, na noite desta segunda-feira (7).
Segundo a corporação, a organização do evento pediu autorização para gravar um documentário e não mencionava a apresentação da sertaneja.
Um ofício da PM e da prefeitura será enviado ao Ministério Público, pedindo a responsabilização civil e criminal do organizador por conta dos danos causados na apresentação. O Corpo de Bombeiros também vai enviar à procuradoria um relatório informando “a presença de uma quantidade de público no evento superior à estimativa apresentada pelo organizador no projeto de segurança”.
Segundo a Polícia Militar e os bombeiros, o evento reuniu cerca de 50 mil pessoas, enquanto a capacidade do local era de 15 mil. De acordo com a Guarda Municipal, foram registrados vários casos de roubos, furtos, brigas e arrastão durante e após a apresentação.
Você pode gostar também